PÓS VAI CAPACITAR DOCENTES DE INGLÊS PARA NOVAS DEMANDAS
30/03/2022 - Novidades


Texto: Paulo Pupim/ASC-UEM

A Universidade Estadual de Maringá (UEM) vai oferecer, por meio do Instituto de Línguas (ILG), um curso de pós-graduação, em nível de especialização, com inscrições a partir de sexta-feira (1), que se propõe inovador em razão do potencial de preencher diversas lacunas na formação docente e por apresentar aos alunos novas possibilidades para o ensino, provendo embasamento teórico-metodológico para os novos desafios impostos ao professor de língua estrangeira.

Trata-se do curso de especialização “em ensino de língua estrangeira para diversos (e novos) contextos - língua inglesa”, a ser ministrado na modalidade a distância. As inscrições serão aceitas até 30 de abril pelo link (escolha o curso no menu, baixe o edital e preencha o formulário online).

O público alvo são portadores de diploma de graduação em Letras, com habilitação que inclua a Língua Inglesa, ou graduandos em curso de Letras da mesma natureza que ainda não possuem diploma, mas podem comprovar a conclusão do curso por meio do histórico escolar da graduação.

As vagas são limitadas. O curso terá início no dia 7 de maio deste ano, devendo encerrar as atividades no dia 8 de novembro de 2023, com carga horária de 444 horas distribuídas entre 12 disciplinas. As aulas serão ministradas aos sábados, das 8 às 12h e das 13h30 às 17h30, exceto para uma das disciplinas cujas aulas acontecerão ao longo de três domingos.

A taxa da matrícula, que deve ser paga posteriormente à inscrição, terá o valor de R$ 30. Durante o curso, serão cobradas, a título de mensalidades, 18 parcelas de R$ 299,99. Outras informações poderão ser obtidas baixando o caderno informativo.

Proposto pelo ILG, da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PEC), o curso será coordenado pela professora Josimayre Novelli, do Departamento de Letras Modernas (DLM), tendo, na vice-coordenação, o professor Elerson Cestaro Remundini.

Novas necessidades

O curso de especialização foi idealizado levando em conta não apenas aspectos básicos da prática docente no ensino de língua estrangeira, mas também as recentes configurações, emergentes de novas necessidades de diferentes clientes.

Sendo assim, além de contribuições fundamentais, como aquelas relacionadas à compreensão/produção oral/escrita, o programa aborda tópicos como o ensino de inglês para crianças, uma modalidade que não costuma ser contemplada nos cursos de graduação em Letras.

Também, tem como destaque, a presença de uma disciplina voltada para os achados da Neurociência, na qual o objetivo é preparar o docente para melhor compreender os caminhos do cérebro humano e fazer uso desse conhecimento a fim de potencializar o aprendizado de seus alunos. Além disso, a especialização vai tratar de novas tendências ainda um tanto inexploradas na formação de professores, como o EMI (English as a Medium of Instruction), CLIL (Content and Language Integrated Learning) e o Ensino Bilíngue, estando esse em grande expansão no Brasil.

Somam-se a estes aspectos, outros tópicos como English for Specific Purposes (ESP), o uso das tecnologias digitais no ensino de língua estrangeira e a avaliação diagnóstica/formativa. Por fim, formará e melhor capacitará pesquisadores, visto que a pesquisa contribui para uma prática docente mais consciente e, consequentemente, efetiva.


Voltar